Um Dashboard Analítico para orientar os negócios do E-Commerce: a hora do “casamento” perfeito

Por Roberto Marcio

Muita coisa mudou por conta do coronavírus. Além da rotina de todos os brasileiros, pequenos e médios empreendedores que tinham lojas físicas precisam se mexer para continuar com a renda e, uma solução utilizada pela grande maioria foi a migração para o ecommerce. Com isso, as empresas adotam o Dashboard Analítico como uma ferramenta para ajudar a identificar tendências e padrões de comportamento. Por meio de informações detalhadas, ele ajuda a avaliar se processos ou projetos estão evoluindo de acordo com o esperado.

O dashboard analítico possibilita uma visão mais ampla dos dados coletados a fim de identificar padrões e tendências específicas. Ele traz informações valiosas que servem para turbinar a sua estratégia de vendas e o E-commerce tem sido o mais beneficiado com a mudança de comportamento da sociedade em virtude da pandemia do coronavírus.

Pegamos, como exemplo, o novo estudo da Socialbakers, a liderança absoluta nos meses de abril, maio e junho ficou com o setor de e-commerce, que obteve 17,7% do total de engajamento no Facebook e 24,54% no Instagram. Segundo Alexandra Avelar, country manager da Socialbakers, o momento vivido com o coronavírus acarretou em grandes mudanças no comportamento das empresas e dos usuários das redes sociais. 

“A pandemia acelerou a transformação digital em diversos setores e um número cada vez maior de marcas vão entender que o marketing digital eficaz tornou-se um objetivo para qualquer empresa que pretenda melhorar seu funil de venda, desde a percepção à construção de intenção de compra e retenção, em um mundo repleto de interconexões tecnológicas”, explica.

Como o Dashboard Analítico pode ajudar seu negócio a impulsionar as vendas? A montagem de um Vídeo Wall em seu escritório será o primeiro passo, para posteriormente instalar os programas relativos à ferramenta, que junto com uma equipe preparada para ajudar a sua empresa a “ler” os dados analíticos conseguirá identificar fatores em comum e entender as causas do tema analisado. Por meio de dashboard, é possível, então, analisar grandes volumes de dados para investigar certas tendências, prever resultados e obter valiosos insights.

No caso das redes sociais, a pandemia fez com que as pessoas durante a quarentena passassem mais tempo acessando e comprando produtos dos mais diversos tipos, gerando assim mais dados para abastecer o Dashboard Analítico. Como possibilita uma visão mais ampla dos dados coletados, é capaz de identificar padrões e tendências para ajudar na tomada de decisão. No âmbito da recente pesquisa da Socialbakers, o E-Commerce ocupa um lugar privilegiado após o levantamento.

Vamos a mais dados: o setor de moda, que liderava o ranking anterior na rede social de fotos e estava no top 3 no Facebook, sofreu queda, e passou a ocupar o segundo e o quinto lugar, respectivamente. Sendo assim, o ramo acabou dando ainda mais espaço para outros segmentos, como é o caso dos serviços alimentícios, que tiveram uma porcentagem 3,6% maior de engajamento no Facebook e subiram duas posições no ranking, comportamento provavelmente impulsionado pelos serviços de delivery.

Abaixo estão os setores que mais se destacaram em cada uma das redes sociais:

Facebook

1 – E-commerce – 17,8% das interações
2 – Varejo – 15,2% das interações
3 – Serviços – 9,3% das interações
4 – Serviços alimentícios – 9,3% das interações
5 – Moda – 7,5% das interações

Instagram

1 – E-commerce – 24,5% das interações
2 – Moda – 22,5% das interações
3 – Varejo – 14% das interações
4 – Beleza – 11,6% das interações
5 – Serviços – 7,6% das interações

Entre alguns dados, a análise revela que as mudanças no cenário de e-commerce e nos padrões de compras dos consumidores já estão presentes. As pesquisas mensais para termos de “comprar online” (buy online) quase dobraram no primeiro mês da pandemia: houve mais de 27.500 consultas em março de 2020 em comparação a mais de 14.800 em fevereiro de 2020 em todas as categorias. Assim, a campanha pode ser dirigida ao público específico a partir de informações trazidas pelo Dashboard Analítico. Quer vender mais? A solução está bem mais a sua disposição do que possa imaginar.

Saiba mais:
https://www.opservices.com.br/exemplos-de-dashboards/, https://www.quatenusonline.com.br/projetos/dashboard-analitico-frotas/, https://www.siteware.com.br/gestao-estrategica/dashboard-indicadores-desempenho/