Com previsão de recuperação, marketing digital aposta forte nas redes sociais

Por Roberto Marcio

O trimestre de 2020 para as equipes de marketing digital foi de muito trabalho e incremento de tecnologias visando ajudar os empresários e comerciantes a venderem mais. As redes sociais foram os canais mais utilizados como apostas na expansão das marcas. Pesquisa recente, conduzida por uma startup, revela que 2021 deve ser de recuperação econômica que fará aumentar exponencialmente os negócios em um ano em que a pandemia ainda vai influenciar na vida de todos nós. 

A pandemia foi um diferencial negativo no processo dos negócios. Nunca houve um período mais turbulento para os profissionais de marketing digital do que os três primeiros trimestres de 2020. A Covid-19 teve um grande impacto sobre os usuários de mídia social e as marcas que buscam sua atenção. A boa notícia é que, embora haja muito ainda a ser feito, já é possível ver algumas evoluções notáveis​​ principalmente nos últimos meses, que apontam para um novo senso de normalidade, estabilidade e recuperação.

A conclusão faz parte de um amplo estudo realizado pela Socialbakers,  plataforma de performance corporativa em redes sociais, que revelou ainda Netflix, Hotel Urbano, Grão de Gente, Esporte Interativo, Lojas Americanas, Caixa, Casas Bahia e Sadia como as marcas líderes em engajamento nas redes sociais no Brasil. 

Com uma estratégia bastante popular, a plataforma de streaming liderou o ranking de engajamento tanto no Facebook quanto no Instagram. Com milhões de pessoas acessando tais plataformas e postando coisas de sua vida, é possível criar campanhas quase que exclusivas para estas pessoas, a partir de algoritmos que nos revelaram suas preferências.

Crise? Marcas só têm a ganhar com campanhas para aumentar audiência e consequentemente vendas

Não tem outro jeito: em uma era cada vez mais digital, estar presente nas redes sociais é fundamental para o sucesso do seu negócio. Por isso, realizar um planejamento de mídia para esses canais é essencial para aproveitar todo o potencial que elas oferecem. Por isso é importante seguir a linha de um planejamento, estratégia, perfil do consumidor, conteúdo e entre outras análises que devem ser feitas para sua empresa obter sucesso nesse investimento.

Mas com tantas informações, além desse planejamento de mídia, saber em quais redes sociais estar presente é um ponto muito importante para sua estratégia. Qual a melhor? É exatamente aquela que está em consonância com aquilo que o gestor ou CEO deseja, um planejamento estratégico que alcance o público de tal forma que sua marca garanta um espaço importante no cotidiano digital das pessoas. O emprego das ferramentas adequadas, diz a Socialbakers, pode dar a você o resultado esperado.

O início da vacinação no Brasil parece ser a porta de entrada para a retomada do crescimento econômico. Apesar da tendência do mercado optar pela tecnologia, a imunização da população deve trazer de volta o sentimento de ir e vir, a sensação de que a pandemia ficou para trás e isto já pode ser sentido nas redes sociais, um alívio que chega em um ótimo momento. O processo de aceleração da cura para a Covid-19 vai ter impacto na vida de todos, por consequência no mundo dos negócios. Para quem quer construir seu produto, a hora é essa.

Saiba mais:  https://www.up2place.com.br/veja-as-principais-tendencias-do-marketing-digital-para-2021/ https://neofeed.com.br/blog/home/como-fica-a-comunicacao-das-marcas-pos-pandemia/  

%d blogueiros gostam disto: