Atendimento ao cliente: uma reflexão para o Dia do Consumidor

Por Roberto Marcio

O cliente tem seu lugar de destaque no cenário de recuperação econômica. Afinal, é dele a iniciativa do que deve ou não comprar em um momento delicado que todos enfrentam por conta da pandemia do novo coronavírus. Por isso, no mês em que é comemorado o Dia do Consumidor, vale uma reflexão sobre qual a melhor forma dele ser atendido, os canais preferenciais e, acima de tudo, respeitar e oferecer o que há de melhor. Para as empresas, por outro lado, é fundamental compreender toda a sua jornada de compra para elaborar soluções que atendam os seus desejos.  

Como março é o mês do Consumidor e hoje, dia 15 o Dia do Consumidor, existe a importância do atendimento humanizado nessa era tão digital. A ideia do atendimento humanizado é evitar processos robóticos que foram introduzidos com a automação. Hoje em dia, processos totalmente automatizados e robotizados podem acabar gerando muitas vezes uma frustração do consumidor quando ele entra em contato com uma marca, com uma empresa, pelos meios digitais. 

Por isso, humanizar o atendimento é tão importante para melhorar a experiência do cliente e consequentemente melhorar a relação marca/consumidor. É claro que os bots no atendimento são importantes, mas eles não substituem as pessoas neste mercado. Uma das principais evoluções que o atendimento robotizado tem trazido para as empresas é o fator de “filtro” que pré-direciona o atendimento para pessoas reais. 

Oferecer o que há de melhor: a saída para fazer boas vendas e fidelizar o cliente

As soluções para o atendimento começam a surgir à medida que a pandemia se acelera em alguns estados, obrigando as empresas a considerarem cada vez mais o uso de soluções tecnológicas. 

Na perspectiva da empresa, essa robotização do “pré-atendimento” pode trazer uma economia inteligente em seus investimentos. Já na perspectiva do cliente, os bots podem trazer economia de tempo, uma vez que um filtro automático pode levá-lo diretamente para um operador especializado no assunto em que precisa tratar.

Após este pré-atendimento, o atendimento humanizado é a melhor maneira de elevar o relacionamento de uma marca com seus clientes, resolvendo problemas e não apenas atendendo suas reclamações. Para as marcas, é um momento bastante oportuno de expôr o que tem de melhor para a conquista desse cliente exigente e que quer um atendimento de primeira.

Essa estratégia de aproveitar os assuntos mais comentados do momento e relacionar com os produtos e serviços de uma marca, pode gerar um ótimo resultado em relação ao tráfego de clientes e até mesmo em vendas para muitos negócios, além de ser uma boa oportunidade para criar uma relação com o público de forma leve e descontraída. isso tudo sem esquecer, claro, atender o cliente da melhor forma possível. 

O serviço de atendimento ao cliente costuma ser o principal canal para entrar em contato com a empresa caso o produto apresente qualquer problema ou até mesmo a entrega. Agora quando o assunto é o atendimento ao cliente, é o WhatsApp que entra no circuito. Para 95% essa é a melhor plataforma para se manter próximo do cliente e entregar o melhor atendimento possível. Na sequência, foi o Instagram (83,5%), e-mail (51%), Facebook (49,5%), telefone (42%), chat online (17%) e outros (5,5%). Todos esses números reforçam a tese de que devemos sim, dar uma atenção, ou seja, que o atendimento seja feito da melhor forma possível para que esse personagem – o cliente – tenha o melhor a sua disposição. 

Saiba mais: https://www.datasystem.com.br/uma-reflexao-sobre-a-excelencia-no-atendimento-ao-cliente/ 

http://www.cdlbento.com.br/dia-do-consumidor-reflete-desafios-do-comercio-no-atendimento-ao-cliente/ 

%d blogueiros gostam disto: