QR Code: a modalidade de pagamento que fornece dados confiáveis para o BI

Por Roberto Marcio

A mudança de comportamento da sociedade, no que tange a utilização de pagamentos por aproximação, tem um efeito que vai além da comodidade dos clientes. Além de fornecer uma praticidade que dispensa as intermináveis filas em bancos, a simples movimentação financeira produz dados importantes para as empresas que querem saber mais sobre a conduta daqueles que optam por sistema tecnológico ágil. E vai muito além: proporciona também dados que podem ser enviados ou extraídos desde painéis até um smartphone. 

Segundo levantamento da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), uma opção de pagamento movimentou R$ 8,3 bilhões no primeiro trimestre de 2020, um crescimento de 330% em relação ao mesmo período de 2019: até o momento, o QR Code é o método mais popular e já foi usado por 35% dos brasileiros com smartphones, conforme aponta um estudo da área de Inteligência de Mercado da Globo. 

Em março deste ano, o Banco Central anunciou a criação do BR Code e estimou a inclusão dele ao mercado em seis meses, ou seja, agora em setembro. A padronização do QR Code no Brasil serve para facilitar as transações financeiras, mais propriamente dos pagamentos a serem realizados em estabelecimentos e comércio, para que sejam feitos única e exclusivamente pelo app do banco do cliente. Toda a movimentação financeira, por outro lado, produz dados que podem ser utilizados de forma assertivas para a tomada de decisões estratégicas nas empresas. 

Só que o uso do QR não fica restrito à observação de movimentação financeira, pagamentos e tudo mais: é possível transformá-lo em informações críveis para alimentar o dashboard das empresas. Mas como esse processo se dá? 

Vamos ajudar, com o passo a passo, como o QR Code pode ser aplicado para o seu modelo de BI. 

Associar o QR Code à inteligência de negócios é plenamente possível.  Pablo Lemos nos lembra que “por conta desse ritmo acelerado, a demanda por informações que direcionam as estratégias e comprovam os resultados cresce em conjunto. O BI ou inteligência do negócio analisa dados a respeito do desempenho da empresa e os transforma em acionáveis para melhorar a performance de vendas”. E ele tem toda a razão, afinal, oferece a solução para incrementar vendas e outros problemas que a corporação esteja passando. 

O que chamamos de Power BI (Microsoft Power BI) tem a opção de criar códigos QR, que podem ser digitalizados que se vinculam aos relatórios e painéis que você publica nos espaços de trabalho. E fornece tudo aquilo que você precisa: O QR Code facilita as transações de pagamentos enquanto que, na mesma forma ágil, oferta dados que podem ser estudados para a melhora no ambiente de negócios. 

Esses códigos QR podem ser digitalizados, por meio dos clientes móveis e o usuário será levado diretamente para o relatório, bloco ou painel.  Para começar a entender um pouco o processo, sobretudo no que tange a ir além dos pagamentos online, vinculamos um de nossos KPI’s que temos em nossos painéis a um código QR. Ou seja, diria que o menu de opções para seu uso são quase ilimitados. 

A questão da segurança não ficou para trás. Tem o lado “B” da história que faremos uma observação, já que especialistas se opõe à publicação de imagens de quaisquer documentos que contenham informações confidenciais ou códigos digitalizáveis, como QR e códigos de barras. E lembre-se de não partilhar os seus sentimentos pessoais ou participar em discussões intensas online, além é claro as compras que são feitas pelo mundo virtual, que podem chamar à atenção de criminosos.

Como se forma o processo de vínculo do QR aos painéis

Como estudamos no texto acima, o uso do QR Code para pagamentos avança a passos largos para se tornar um dos meios mais importantes para movimentação financeira. Contudo, o aplicativo que é um sucesso no mundo virtual tem outras funções que vão além de pagar as contas: você pode utilizá-lo como ferramenta para BI (Business Inteligence) para analisar dados em tempo real e produzir relatórios que podem ser acompanhados por CEOs e gestores em qualquer parte do mundo. Por isso, vamos apresentar abaixo uma função do QR Code no âmbito do dashboard: 

Para fazer isso, vamos querer selecionar um bloco e a opção “Abrir” em modo de foco. Isso abrirá o KPI (Key Performance Indicator) e poderemos clicar no link, e selecionar a opção Ao gerar código QR, criará um para nós que está vinculado ao KPI. Para salvar o código, basta clicar no botão Download. A partir daí, você poderá salvá-lo em seu desktop. Agora podemos abrir o arquivo e imprimir o código.

Para ver isso em ação, tudo o que precisamos fazer é abrir o aplicativo Power BI Mobile e selecionar a opção Scanner. Isso abrirá um scanner que podemos usar para ler o código QR. Feito isso, tudo o que precisamos fazer agora é escanear o código que imprimimos, sendo assim isso nos levará diretamente para o KPI para o qual criamos o KPI. 

A partir daí, podemos acessar o painel de controle em que o KPI estava. Podemos até detalhar outras tabelas e gráficos no painel. E se quisermos, podemos até ver o relatório que usamos para criar o Dashboard.

Criar códigos QR vinculados a painéis, relatórios e blocos do PowerBI é um recurso enorme. Você pode usar isso para vincular seus relatórios a locais físicos.

Por exemplo, você pode criar um painel que mostra todas as métricas de uma determinada peça de máquina e, em seguida, anexá-lo à máquina. Tudo que você precisa fazer para ver o desempenho da máquina é apenas ler o código QR com o seu telefone. Quão legal é isso?

Saiba mais: https://docs.microsoft.com/pt-br/power-bi/create-reports/service-create-qr-code-for-tile, https://transformacaodigital.com/dados/menos-numeros-e-mais-inteligencia-com-bi/, https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/21994/1/Tese%20final%20-%20Andreia%20Roseiro%20de%20Freitas.pdf